O poder de estar junto

Agora, mais do que nunca, com a velocidade em que as coisas estão acontecendo no mundo, recordo a observação sábia do antigo filósofo grego Heráclito: “a mudança é a única constante na vida”. 

Algumas das recentes mudanças globais levaram a um aumento dos sentimentos de solidãocomo resultado de menos tempo passado junto com outras pessoas. Os seres humanos estão desenhados para se conectar, se relacionar, estar em contato com o mundo e com aqueles com quem o compartilhamos. Os desafios aos nossos hábitos de socialização trazem novas oportunidades – não apenas para se adaptar, mas para apreciar o poder da comunidade.

Seres de conexão

De acordo com o neurocientista Matthew Liebermannossos cérebros sociais – e sua necessidade de se conectar – são um dos nossos maiores superpoderes. Eles nos levam a criar apego humano um dos fatores mais importantes em nossa felicidade e bem-estar.

A diferença entre estar sozinho e ser solitário

Passar um tempo sozinho, em sintonia com nossa voz interior, é essencial para conhecer quem somos. Sendo nosso eu mais autêntico, podemos encontrar uma comunidade que compartilhe nossos valores e crenças. A solidão surge apenas quando há uma incompatibilidade entre as conexões sociais que temos e o que precisamos ou queremos.

O poder oculto de quem fica ao seu redor

Nossos pensamentos e comportamentos influenciam quem está ao nosso redor, portanto, ser intencional ao escolher com quem você passa seu tempo tem um impacto profundo em sua vida. As interações com as pessoas podem trazer luz a partes de você que você ainda não está consciente, aprofundando sua autoconsciência. Com isso em mente, o uso do one to one no aplicativo soulloop aprofunda sua compreensão do olhar sobre a vida e do estilo de comunicação dos outros.

Se conecte, compartilhe o amor - com um sorriso para quem passa, com um cumprimento atencioso para o seu vizinho, com uma mensagem para um amigo.